Para ver no fim de semana

Por Nelson de Sá

Dicas da Lenise e minhas:

Cacilda!!!!! A Rainha Decapitada – Luxo, técnica e magia das Cacildas interpretadas por Camila Mota e Sylvia Prado. Teatro Oficina. Sábados, 19h

Rei Lear – Juca de Oliveira emociona na pele do velho rei frágil, que perde a razão, e também na de seu bobo destemido, que mostra a ele a realidade. Livraria Cultura. Sexta e sábado, 21h. Domingo, 19h (Últimas apresentações da temporada)

Muro de Arrimo – O ator Fioravante Almeida ergueu a produção e coloca pedra sobre pedra em cena aberta. Teatro Brigadeiro. Sábado, 21h. Domingo, 20h (Últimas apresentações da temporada)

Meu Deus! – Mais que psicóloga, Irene Ravache é uma mãe –segura, amorosa– para o Deus em depressão de Dan Stulbach, na comédia que volta em temporada popular de um mês. Teatro Sérgio Cardoso. Quintas a sábados, 21h30. Domingos, 19h

Myrna Sou Eu – Nilton Bicudo encarna uma mulher que conhece como ninguém os amores, os êxtases e as fragilidades femininas –e aconselha como só Nelson Rodrigues poderia fazer. Teatro Eva Herz. Sábados, 18h

Walmor Y Cacilda 64 – O Robogolpe – Musical fidedigno à nossa história. Grandes interpretações dos atores da Uzyna Uzona. Teatro Oficina. Domingos, 19h

E para ver durante a semana:

Luz Negra – Musical que entoa a inclusão dos negros. Trabalho de grupo que destaca a força da atriz Mel Lisboa. Sede Luz do Faroeste. Terças e quartas, 21h